Thursday, March 30, 2006

E de repente .....

E de repente .....Fiquei contente! Vou ter paz por uma tarde o que já não é nada mau, diria mesmo ser uma benção. Quem olha por mim lá em cima, seja quem for e que tem andado distraido, decidiu hoje fazer me esta supresa.Obrigada!
Já que tenho que estar aqui e aqui tanto tempo que esteja sem me estarem sempre a pressionar, dizer piadinhas secas e dar conversa a coisas do mais desinteressante que há.
Mas vamos ver então como corre o meu dia!

5 comments:

Menina_marota said...

E... de repente recordei-me, onde tinha visto este título... "as velas ardem sempre até ao fim"... de Sándor Márai. Está ali, em cima da mesa, esperando... que eu tenha um tempinho para o ler!

Estive a ler um pouco o teu Blog (esta mania de querer conhecer, um pouco mais, quem me comenta...)adorei o teu cão (um nome fabuloso...)espero que aquela coleira já tenha sido tirada e não tenha sido nada de grave...quanto a ele comer velas, antes isso que os saltos de sapatos (novinhos em folha... ai)

Nunca de está só, quando se tem música, os nossos amigos e os nossos animais de estimação. Eu não vivo sózinha, mas por vezes, é como se vivesse... e, os meus animais (sou filha única... aiii)são a minha melhor companhia.
Mas depois, ao fim do dia chega o filhote... (1,70m) esta juventude, é tão introvertida... mete-se no estudio e... o "mundo" dele, é outro...por isso, também se pode estar só, numa casa cheia...
Bem... agora vou ver o bacalhau que está no forno, és servida? Vou almoçar sózinha... chega para duas...

Um abraço carinhoso ;)

inBluesY said...

que bom né miuda :)))))

Su said...

que bom te saber contente e feliz...
jocas maradas de dias bons

Era uma vez um Girassol said...

Olá!
Hoje não estou para amar...Antes pelo contrário....
Mas mesmo assim quis ver como estavas e vi..que estavas contente!
Alguém lá de cima andava distraido e esqueceu-se de te ligar??? Oferece-lhe um telemóvel...
Boa noite e beijito!

canela_e_jasmim said...

Olá menina,
entrei aqui quase clandestinamente, porque li um comentário teu na nossa maria marota e achei-te tão tristinha, que achei que devia vir espreitar.Não, minha querida, as velas não ardem sempre até ao fim; ardem enquanto nós deixarmos.Se não gostamos da chama, apagamos e acendemos outras luzes na nossa vida.Assim é que deve ser.Muita força e muita luz para esse teu caminho , que me parece parado ou difícil!
Beijo grande