Friday, July 16, 2010

não deixem nada por dizer

10 comments:

Valéria Gomes said...

Isto é de dar arrepios!!!
Assistirei com certeza!!!

Beijocas!!!

Ant said...

isto tem dias.... Bjos

casa de passe said...

...as palavras que se dizem são como as pedras que se atiram, nunca podemos ter a certeza do efeito que irão provocar mesmo quando atiradas com boas intenções.


Ernesto, o avô

tulipa said...

As palavras podem ser por vezes uma arma perigosa....
um abraço
tulipa

Mar Arável said...

Cuidado

as palavras

também respiram por guelras

Lu.a said...

"Nunca deixem nada por dizer"...falar é fácil...;)

just me, an ordinary girl said...

gosto de ti

Apenas eu said...

Olá!
Não sou uma daquelas pessoas que te visitam assiduamente, visito quando posso e quando me apetece, no entanto tenho a noção de que temos aqui um blog excelente, e que a cara que se esconde atrás do blog, de uma forma ou de outra se tornou familiar.

este post arrepiou-me, as palavrasa de António Feio são simples e directas e o trecho que se lhe segue diz-me que vamos sempre a tempo de mudar a rota.

obrigada Vela pela partilha.
um beijo

joão said...

...

(por mim mando-te uma musica)

beijo

rasgandoosilencio said...

"não deixem nada por dizer"...:o(
Eu deixei tanto... TUDO... por dizer, por perguntar... e é este nó na garganta e estas lágrimas que teimam em cair ao longo de todos estes meses que me têm feito tanto mal... Será que algum dia vou conseguir dizer o que calo cá dentro?...