Friday, June 15, 2007




Ao certo não sei porque me cerca o deserto,
Porque se seca tudo à minha volta,
Se dos meus lábios só saem beijos húmidos.
Estou só no meio de um mar de sal,


Cristalizado nos meus surdos gemidos,
Esbracejo.
Mas mesmo de braços erguidos
Ninguém me revê.
Desisto e caio no sono sem sentidos.

JAC, 31.05.07






O poema e a música foram me oferecidos por alguém que gosto muito e de quem tenho muitas saudades.Nestes dias em que o cansaço e as lagrimas são muitas e teimam em fazer me companhia, este mimo, mesmo que soe a alguma tristeza, soube me muito bem. [por ter sido escrito para mim].

32 comments:

crispipe said...

Lindo!!!!

Jokinhas

Carracinha linda! said...

Realmente a música é assim um bocadinho tristinha...apela às lágrimas...mas o que importa que recebeste este grande miminho de alguém. E são estas pequenas coisas que por vezes nos dão grande força para vencer o cansaço e enxugar as lágrimas.

Beijo grande e bom fim-de-semana!!!

PS - As saudades que eu tinha de ouvir Cocteau Twins...

amazing said...

Velas, ainda bem que te fizeram essa surpresa.
E ainda bem que nos fizeste outra surpresa - colocar a tua fotografia no post. Ficou muito bem.
A música não é tristonha, é simplesmente linda.
O original é do excelente álbum de Craig Armstrong (está lá no jester's tear) e fica soberba com uma das vozes mais espectaculares que é a da Liz, vocalista dos Cocteau Twins. A tal que empresta tantas e tantas vezes a sua voz, como por exemplo para outra linda que é a Teardrop dos Massive Attack.
Sabes, houve alturas em que ouvia isto vezes sem fim.

Beijo forte.

sonia r. said...

Um bom fim de semana e um beijinho.

Utzi said...

Quando a tristeza se apaga em nós,
Fazendo-nos sentir completamente sós,
Olhemos para o espelho
E com esperança veremos
Que, na verdade,
Jamais estaremos sós
Porque nos temos sempre a nós.

Também foi escrito para ti :)

Beijinhos

Miss Alcor said...

Força aí Velas!
Acho que não há nada na vida que não se resolva!
Força.
Rodeia-te da beleza e vê o que de mais bonito a vida tem para oferecer.

Beijinhos

joaninha said...

as vezes alivia! :)

*beijinhos*

Eric Blair said...

Huum, esse tal de Jorge Jacinto...

Twlwyth said...

Quando a tristeza nos segue para todo o lado, sabe bem arranjar companhia de mimos do passado.

veritas said...

A imagem apela aos sentidos. As palavras...temos de encontrar sempre bem no fundo de nós mesmos uma forma de regar o que à nossa volta corre o risco de secar. Que tal uma dose redobrada de esperança?

Bjs. Bom fim-de-semana.

A.S. said...

Minha querida, no mais árido dos desertos existe sempre um oásis! Tens esse oásis dentro de ti... só que ainda não o descobriste! Olha bem e sentirás emergir do teu peito a mais pura água, a mais suave brisa, a mais doce fruta, a mais terna caricia!...
Quero ver o teu sorriso!!!


Um terno beijo!

maria josé quintela said...

temos o ritmo das estações. o verão não tarda.
um beijinho.

lurainbow said...

Não estas sosinha eu estou aqui :)
Beijinhos

Uns olhos nas cores do MAR
foi o que VI,
Que não os queria deixar de olhar ,
foi o que senti.
Que não os queria perder ,
foi o que me moveu ate TI...

Beijinhos cheios de cor e optimo FIM DE SEMANA

Opintas/Bernardo Kolbl said...

Bom fim de semana e um abraço.
Tenta arribar...

MalucaResponsavel said...

sabe sp bem qd somos "acarinhadas"... bj

Brain said...

Velas,

Partilho contigo algo que escrevi em 1988.

LÁGRIMA NO ESCURO

Uma lágrima que corre,
Uma dor que cresce no interior do peito,
E se expande,
Que rebenta o sentimento,
Que na nossa mente,
Queima, e arde!

Há uma voz no escuro da noite,
Uma voz que nos incita a ceder à vontade,
Mas uma razão esmagadora
Bloqueia-nos o agir,
Tenta parar-nos o pensar,
Mas que não toma o lugar,
Da tristeza e solidão,
Pela falta do carinho da tua mão,
Do teu olhar imensidão,
Do teu gostar do coração,
De ti!

E apesar,
De todo o meu tentar,
As forças desvanecem-se no ar,
Mostrando mais uma vez,
Que só tu és o meu único amar,
O meu mais bem gostar,
O onde eu quero estar!

Há um pensamento que divaga,
Uma mente que não se apaga,
Do lembrar do teu tão doce olhar,
Do sentimento que me faz cegar,
Toda a razão de existir do meu “eu” ser,
Que apesar de “estar junto a ti” seja o seu querer,
Não consegue quebrar as barreiras,
Que me impedem de te ter,
Perto de mim,
A ti!

E assim,
Neste totalmente querer não estar,
Gera-se o sentimento,
Que entristece,
Nos mostra,
Que com a distância,
O amor não desce,
Mas que a dor cresce,
E origina,
No escuro da noite,
Uma lágrima que corre,
Que pela face desce,
Quedando-se na boca,
Boca essa,
Que nunca te esquece!


Beijo sentido.

Su said...

deixo-te jocas...muitas....sempre maradas

Maçã de Junho said...

tudo o que é feito a pensar em nós, sabe sempre bem... Pode ser uma texto, uma festa no cabelo, um acordar a meio da noite para ver se estamos tapadas....
Mas e o que fazemos nós por nós? O que fazemos nós por nós mesmos?
O que fazes tu por ti?

Beijos para ti, de mim
M

A estranha said...

A tua tristeza tem algo de estético, de profundo e de fascínio... Ainda assim não consigo deixar de desejar e de esperar que ela possa resolver-se e passar... A tua alegria é, tenho acerteza, também muito bela...

Muitos beijos

P.S. - As prendas que te deram são maravilhosas...

little_blue_sheep said...

*

Dark-me said...
This comment has been removed by the author.
Dark-me said...

Adorei!

É sempre bom sentirmo-nos especiais para alguém e termos alguém q na hora que mais precisamos, tem um mimo para nos oferecer.

Bom fim semana

Dark kiss

Bia said...

O poema é lindo!! Adorei...

Lu.a said...

Linda, obrigada pela teus comentários e a tua preocupação! Não tenho andado nem com muito tempo livre, nem com muita vontade de escrever... :(

Quanto ao teu post, apenas posso dizer que a Música é LINDA! Já tinha saudades de ouvir Cocteau Twins...
E se o poema foi um miminho de alguém de quem gostas muito, tanto melhor. Muitas vezes isso é o que nos dá força para enfrentar o dia-a-dia, não é?
Ânimo! E já agora bom fim-de-semana! :)

Marta Ribeiro said...

venho anunciar a abertura do meu espaço...um espaço onde as opiniões sao fundamentais tanto pra mim como para o crescimento do blog...
espero que o visites e que gostes e deixes a tua opiniao...este é um comentario maira para divulgar mas logo logo sera um comentario em relação ao conteudo deste espaço...
serás sempre bem vindo(a).

a saborear said...

Olá.
Vejo que continuas fechada no passado.
O futuro é o presente....
... e eu deixei-te uma "batata quente", no meu "espaço endiabrado".

Jinhos

nothing said...

bom fim de semana..

beijinhos

Opintas/Bernardo Kolbl said...

Bom domingo e um abraço.

vida de vidro said...

Um belo poema, uma linda música. Oferta de um amigo, vale a dobrar. E para quando um sorriso a chamar o sol? **

saudosista do futuro said...

percebo-te... está lindo.
assim o choro fica ainda
mais bonito.




beijo em forma de lágrima
com olhos no futuro seco...

Sinclair said...

Perfeito...
parabens pelo blogue
Aproveito para te convidar em visitar o meu
www.pelaleitura.blogspot.com

Kanoff said...

“O segredo do êxito é a honestidade. Se puderes evitá-la, consegues lá chegar.”
Groucho Marx