Wednesday, August 29, 2007

para Ti

Encosta-te a mim

Encosta-te a mim, nós já vivemos cem mil anos
encosta-te a mim, talvez eu esteja a exagerar
encosta-te a mim, dá cabo dos teus desenganos

não queiras ver quem eu não sou, deixa-me chegar

Chegado da guerra, fiz tudo p´ra sobreviver
em nome da terra, no fundo p´ra te merecer
recebe-me bem, não desencantes os meus passos
faz de mim o teu herói, não quero adormecer

Tudo o que eu vi, estou a partilhar contigo
o que não vivi, hei-de inventar contigo
sei que não sei, às vezes entender o teu olhar
mas quero-te bem, encosta-te a mim


Encosta-te a mim, desatinamos tantas vezes
vizinha de mim, deixa ser meu o teu quintal
recebe esta pomba que não está armadilhada
foi comprada, foi roubada, seja como for

Eu venho do nada porque arrasei o que não quis
em nome da estrada onde só quero ser feliz
enrosca-te a mim, vai desarmar a flor queimada
vai beijar o homem-bomba, quero adormecer


Tudo o que eu vi, estou a partilhar contigo
o que não vivi, um dia hei-de inventar contigo
sei que não sei, às vezes entender o teu olhar
mas quero-te bem, encosta-te a mim



(esta canção é parte da estória da minha vida e do que gostava que viesse a ser...não consigo divagar muito...lágrimas muitas...quero adormecer...é dedicada a ti simplesmente porque sim...que estas longe muito longe e a quem nunca mais me irei encostar)

35 comments:

Bia said...

Grande música!! Uma letra lindíssima!!

poca said...

percebo-te tão bem.

mas deixa ir o passado. o futuro está aí a bater. acredita em ti!

beijo grande

Francieli Rebelatto said...

Encostei-me...pode agora compartilhar todos teus anseios, todas as tuas poesias...Eu aqui te contemplo...

beijos e te cuida!!!

Carracinha linda! said...

Velinhas,

A música é de facto espectacular. Há uns tempos também a coloquei lá no meu cantinho.

Mas lamento que a música te deixe assim triste...

Um abracinho apertado para ti!

Nero said...

Cumprimentos.

mariazinha said...

e assim o longe se torna perto, e te encostas... não encostando.
beijos

veritas said...

E é maravilhosa...Jorge Palma no seu melhor.

Bjs. Boa semana.

Miudaaa said...

Toca Toca e Toca... Toca sem parar e nós sempre a Gostar.

Quem dera que a visses, que a sentisses com outros quereres e sentires.

São os teus, estes que acabo de ler... mas nao t'esqueças ha alguém que quer o teu quintal.

Beijo da miudaaa

Dawa said...

Esta musica é genial e levanta tantos sentimentos em mim...
"Eu venho do nada porque arrasei o que não quis
em nome da estrada onde só quero ser feliz"

Beijo grande, linda!

impulsos said...

Há músicas com letras incríveis que têm esse poder de parecerem ter sido escritas para nós!...

Gostei mesmo muito!!

Um beijinho

PavlovDoorman said...

Que o descanso tenha sido longo e profícuo, pois quem vive assim merece repousar...

Dreamer said...

Música simplesmente fabulástica!!!!LOL!!!Não me canso de ouvir!!!Ouço tipo um bilião de vezes por dia. É linda...é diz tanta tanta coisa....
Beijo e continua...gosto muito de passar por aqui!

Mateso said...

Todas as canções encerram uma história, a minha? a tua? a nossa?
Somente música...

maria josé quintela said...

um abraço... bem encostado!

isabel said...

lindissima!

MiguelGomes said...

É simplesmente fantástica... Não... É mais do que isso...

Fica bem,
Miguel

inBluesY said...

nao sei escrever melhor, do que o tantas vezes já falamos.

um dia será dia. simplesmente porque sim.

tens tudo para que essa letra faça sentido.

[***]

PintoRibeiro said...

Fica bem, fica mesmo bem.
Bjinho.

Brain said...

Velas,

Esta música,
Já me deparei com ela em diversos sítios,
Em muitos blogs.

Mas a tua dedicatória em jeito de nota de rodapé, faz a diferença e não deixa que seja apenas, mais um sítio onde a encontrei.

E quanto a esse "encostar"...
Aproveita os que tiveres disponíveis à tua volta,
Porque esse, amanhã poderão já não estar,
E quantas vezes,
Tantas vezes,
Com o pensamento e olhar no que não temos,
Perdemos a visão,
Do que nos está verdadeiramente,
Disponível.

Beijo sentido.

borrowing me said...

quero-te bem

bastava ouvir isto, da boca dele.
já nem falo na parte de encostar, de vejo como algo de divino e impossível de alcançar.

acabaram as férias, agora "falar te-ei" mais.
bjs

Just an ordinary girl said...

Muitos muitos beijos, para ti.
Enterneces-me sempre.

Dias... said...

O Poema é lindissimo, a Canção nem por isso.

E tu estás mesmo a precisar de não ouvir ESTA musica.

BEIJO ENORME NUM ABRAÇO MUITO FORTE

(cuida-te miuda)

Cris said...

Fantástico! Como sempre, o teu amarelo, mesmo que seja triste, enternece-me cada vez que abro a tua página.

um beijinho
C.

Por entre o luar said...

Todos nós de uma maneira ou de outra nos encaixamos muito bem nesta musica...

Muito bem escrita;)

Beijo*

Belzebu said...

O Jorge Palma habituou-nos a música de qualidade, mas esta é verdadeiramente brilhante! Chega a ser arrepiante, como se conjugam tão bem a voz, a letra e a música!

Obrigado por este bocadinho!

Aquele abraço infernal!

Rafaela said...

"Se destruíssem
todos os sonhos
dos homens, a
Terra perderia
suas formas e
suas cores, e nós
adormeceríamos
em uma cinzenta
estupidez."

Tchivinguiro: onde nasci. said...

"O mundo fica irreal, mas não me importo"

poetaeusou . . . said...

*
sublime
a musica
a letra
as velas até ao fim
*
xi
*

anrasaxa said...

lindissima esta musica.. tb ando para a por la no meu blog.

a palavra nunca devia ser banida do dicionario.. nunca se diz nunca :)

MH said...

Isso querias tu :D

Memórias de Um Sorriso Luso ® said...

SÓ te posso dizer...OBRIGADA pelo abraço.


E a música não conhecia.Foi bom ouvi-la...

Kiss

papagueno said...

Magnífica esta canção do meu "padrinho" Jorge Palma. O vídeo é fabuloso.
Muito obrigado pela visita ao Bairro, as portas estão sempre abertas.
Beijos.

MIMO-TE said...

Eu perdi um colo, um querido amor que sempre me amparou. Tenho saudades, mas recordo-o com tanta ternura, que acho sempre que est� comigo. Continuo a ama-lo e sei que ele a mim. Por isso caminho e quando sinto a sua falta, recordo os bons e deliciosos momentos que me ofereceu. Fico feliz por isso.

Um beijo com mimo

Bandida said...

a vida está sempre a começar.


um abraço. forte.



B.
_________________

tufa tau said...

odoro esta música, esta letra, este vídeo... tinha na ideia postá-lo... fica para mais tarde... será sempre real.
um beijo
obrigada