Saturday, May 03, 2008

este poema diz muito de mim

Não parti, mas já não sei voltar.
Ando às voltas a esquecer quem sou.
Bebo a noite até o Sol chegar.
Ele sempre me encontrou.
Só o Amor me faz correr.
Só o Amor me faz ficar.
Só o Amor me faz perder.
Só o Amor me faz querer mais.
Não sei viver sem ter de viver.
O que me dão já não sei gostar.
Não se perde o que não se quer ter.
Cada vez mais sem esperar.
E se for a primeira vez, que os teus dedo
tocam a luz da manhã.
Dá-me a tua mão.
Respira o ar do dia.
Talvez nada mais.
[Acordar- Radio Macau]

20 comments:

Teresa Durães said...

não se perde o que não se quer. por vezes nem se sabe porquê. foge a vontade e fico só cansada

obrigada pelo selo. vindo de ti é especial

Miudaaa said...

Quantas Histórias não te contei???
Quantas Histórias ainda não contaste a ti própria???
Quantos enredos???Era uma vez e não sei MAISSSS!!!

Novas histórias de Amor... vêm aí !!!

Um Beijo da miudaaa ;)

Pedro Branco said...

Pois diz...

impulsos said...

Dá-me a tua mão.
Respira o ar do dia.
Talvez nada mais.

Pego neste pedacinho e levo-o comigo... sabes, é que também me diz muito este poema, e quero ficar com uma recordação de ti!

Beijo

pn said...

ó Velinhas... posso fazer umas cóciguinhas?

EDUARDO said...

Poderosa-mente belo :-)

Trio Colher de Pau said...

...lindo....*



M/.........

Vanda said...

Ao som de U2 talvez nada mais :)

Dawa said...

Lindo mesmo!

Beijo!

Su said...

não parti, mas já não sei voltar
--------------------



jocas maradas--------às voltas

Euzinha said...

OS senhores voltaram inspirados direi eu...
O que me ri com as tuas leituras...e olha q a um domingo á noite depois de fdsemana prolongado não é nda fácil rir!!

Bjs gdes
J

Luis Eme said...

gosto do poema, da canção e os pés nem destoam...

o amor é isso Velas...

abraço

amazing said...

Então, então...
Então e onde agradeço e retribuo o selinho aqui de baixo? Hein?
E sim, se queres que te diga, acho que muitos de nós se reverão nesse poema.
Grande beijoca.

Vício said...

estranho!
procurei o "muito de mim" no poema todo e não encontrei...

Bibi Tolotti said...

Poema lindooo!
Alias, adorei a foto "Pratique suas palavras".
Desculpe a invasão.
Beijinhos.

rjl said...

:*

PavlovDoorman said...

Bom a música acho que não conheço, mas a letra até é bem apelativa...

Eu prefiro respirar o ar do crepúsculo, 5, 7 minutos de ar fresquinho...eheh

Beijo grande Menina das Velas

P.S. Obrigado sentido

Dias said...

Sabe bem o ar deste dia.

Beijo

poetaeusou . . . said...

*
só o amor,
faz . . .
correr,
ficar,
perder,
e ...
partilhar ... o essencial,
,
conchinhas
,
*

Pearl said...

:o)))***