Tuesday, November 24, 2009

acontece


acontece
sim acontece
estou
sempre por um fio.
ou são as vésperas de um não,
a um triz do fim.
ou estou noutro começo
e não era nada daquilo que queria
ou era exatamente o que procurava.
acontece
sim acontece
que só me dou conta depois de tudo terminado.
uma espécie
de palco vazio e
luzes apagadas.
na barriga
aquela sensação de estranha
de dor.
na cabeça a sensação de
inadequada.
acontece
sim acontece
nuncas e nãos escritos nos meus muros.
portas fechadas.
caminhos sem saída.
atrás ou ao lado de mim
só mesmo a minha sombra
e mais ninguém.

10 comments:

Eu Mesma! said...

a tua veia poetaica esta cada vez melhor....

Pedrasnuas said...

A TUA VEIA POÉTICA SEMPRE FOI BOA ...PENA SER SEMPRE DAQUELE TIPO FATÍDICO...DRAMÁTICO COMO SE A TUA VIDA FOSSE MESMO UMA GRANDE CHATICE...VELAS OLHA À TUA VOLTA E VAIS DESCOBRIR NO PALCO OUTROS,TANTOS... QUE ESTÃO SÓS COMO TU...E FAZEM PELA VIDA...EU ACREDITO QUE NÃO É FÁCIL MAS ...NO MEIO (DESCULPA O TERMO) DA MERDA BUSCA OS TEUS TESOUROS, E AVENTURA-TE!

KISSES

just me, an ordinary girl said...

dizem que a inquietação inspira e eu concordo

mas gosto de ti e peferia , de ti, menos insiraçao e mais bem estar!!!

um beijo grande grande grande

Maria said...

São palavras
ou
podem ser dias
mas
amanhã
é sempre
outro dia.

Beijos, Vela

pn said...

anatopia
anacronia
-- desajustamento espácio-temporal?
é, as sombras são boas companhias. não nos iludem nem desiludem, não têm atitudes inesperadas, raramente são projecções ofuscantes, são até muito boas, ao sol, para descanso de outréns...
andas boazinha, para além de...?

JonyFingers said...

Nem tudo é mau: “Sou como todas as pessoas: vejo o mundo da maneira que desejava que as coisas acontecessem e não da maneira como as coisas acontecem" Paulo Coelho in "O Alquimista"

Aquele abraço

Trio Colher de Pau said...

Adorei a imagem...posso levar?
:)

joão said...

BOM. Verdadeiramente bem escrito. gostei particularmente:

"atrás ou ao lado de mim/
só mesmo a minha sombra/
e mais ninguém."

Não gostei (mas já é costume) da foto. Compra uma máquina. Porra!!! Com o teu olhar clinico e cinico tiravas boas fotos de certeza.
beijo.

joão said...

Raiva de não ter trazido o passado roubado na algibeira! [Álvaro de Campos]

Este Fernandinho é que a sabia toda... foda-ssseeeee... fiquei pasmado a pensar no alcance desta simples frase!!!! De que poema é?

+1beijo.

Apenas eu said...

Sim... ás vezes acontece.
um beijo