Friday, June 06, 2008

somos todos escorpiões?

às vezes durmo um sono profundo, como um sedativo de mim mesma, esperando um grande estrondo para despertar. quem sabe uma trovoada seca, que se ouve parecendo que a própria Natureza explode a sua raiva no céu fazendo os corpos estremecerem na terra. um misto de medo e alívio porque sei que estrondo não vai durar mais do que um instante.as grandes catástrofes são como uma espécie de percalços que a vida me apresenta: começam e terminam numa questão de segundos e soltam sobre mim toda a ira e me lançam ao chão, como se todo o meu mundo precisa se de ser reconstruído.

a vida continua a exigir acção.movimento.não adianta querer que o planeta não gire enquanto não conseguir encontrar o meu caminho.os meus pedaços perdidos como um quebra-cabeças são o meu eu ou que já fui.ao ver que as peças são muitas até posso não saber por onde começar mas sei que o farei.aprendi que não me adianta entregar tudo.

vou continuar a dormir, fechar os olhos com força e criar um novo mundo, onde é permitido colorir a cores, a jogar com a realidade, a lançar perfume, a mostrar a verdade e a razão, a não mascarar o feio e a fazer voar a consciência.e quando o despertador insistir em tocar vou atirá lo o mais longe possível, com a mesma força que gostaria de arremessar alguns dos meus problemas.se calhar já sonhei de mais, a trovoada barulhenta despertou me, parecendo que o sol enfeita, sem ter perdido o poder de aquecer.

talvez seja altura de sair de trás do muro, que protege mas não deixa viver, que esconde, e abrir bem os meus olhos mesmo sabendo que eles a princípio rejeitarão a claridade por não estarem habituados a ela.


Parábola do escorpião e do sapo:

O escorpião queria atravessar o rio, mas tinha medo de se afogar. Pediu que o sapo o levasse.
O sapo respondeu: Eu, não. Você pode ferrar e matar me.
O escorpião discordou: É claro que não! Imagine. Se você morrer, nos afogamos os dois.
O sapo acreditou. Fazia sentido. Então colocou o escorpião nas costas e começou a atravessar o rio. Antes do final, sentiu a ferroada.
Enquanto os dois se afogavam, ainda perguntou: Mas escorpião, porque fizeste isto, mesmo sabendo que ias morrer???
É a minha natureza - respondeu o escorpião, antes de descer para as profundezas.


somos todos escorpiões? ou não?será impossivel lutarmos contra a nossa natureza , contra um padrão que repetimos a vida inteira, mesmo sabendo que não é o correcto ou que não nos vai ajudar em nada? ou uma das coisas boas do ser humano é poder romper esse padrão?

20 comments:

Vício said...

eu sou caranguejo! não ataco mas levanto as tenazes em defesa e então é sem misericórdia!

o texto antes da foto fez-me lembrar algo que escrevi no inicio deste blog!
revolta interior

Vício said...

eu queria dizer "do meu blog" em vez de "deste blog"

Lu.a said...

Eu sou Touro (hehehe...), com tudo de mau que isso implica... :S

Sei que o post não tinha haver com signos, mas olha, deu-me para isto! :/

Bom fim de semana!!!

Cometa 2000 said...

é sempre possível ainda que por vezes não pareça.

aí reside a humanidade.

a divindade também.

Rain Sister said...

Olá.
Já estava com saudades de vir aqui.
É para deixar uma grande beijoca e já agora aproveito para comentar que no meu entender estamos aqui para perceber os padrões e romper com eles.

Maria said...

Podemos ser, mas acho que depende da ocasião....

beijo

Maria said...

Somos sim, todos escorpiões, não podemos, nem conseguimos alterar a nossa natureza, podemos apenas disfarçar... mas um dia o pano cai e voilá somos nós, outra vez do mesmo jeitinho.

ás vezes doi a nossa propria natureza, mas é nossa.

bjo e bom fim de semana.
ah! gosto de te ler.

pn said...

Ol� Mi�da Bonita!

Qu'estado de esp�rito para um fim de semana... P�e-te alegre!
N�o somos nem sapos nem escorpi�es.
Nem a candura nos sust�m, nem a natureza nos suprime...

Ri-te para mim, sff!

rjl said...

:*

ps- podemos lutar, mas na maioria das vezes escolhemos não o fazer... :s

inBluesY said...

por acaso acredito, e muito, na questão das 'naturezas' mas talvez noutro contexto, não sei, pq lutar é o que melhor sei fazer, só cruzei os braços uma vez, acredito que o que distingue a essência de ser boa pessoa é saber avançar, devagarinho, e esta é a parte fulcral de tudo, poucos de nós tem paciencia par ao tempo, mas ele é fundamental, tu por acaso lá vais conseguindo avançar, lentamente mas tens avançado.

mas a nossa natureza t~em muito que se lhe diga, e não conseguimos limar tudo.

bj grande

Pink said...

Todos escorpiões?! Nem pensar!!!
Não passam de desculpas foleiras de muita gente para poder espetar as suas ferroadas de vez em quando!
Se o ser humano possui um cérebro diferente os outros animais p alguma coisa serve!!!
Eu...sou eu, sem desculpas, com todos os defeitos assumidos. Mas tento respeitar a liberdade de todos. Tento, pois não sou perfeita e às vezes também erro.
Quanto aos sapos deste mundo...não é dando as duas faces p esbofetear q são melhores pessoas!!! A idiotice tem limites.
(hoje parece q me tentaram por veneno no copo, mas como não sou sapo...respirei fundo e mais calma darei o troco na próxima semana)
Bom fim de semana.
Até!

inBluesY said...

ah
e qauntas vezes sou eu escorpiao :D????

ehehehhe

Maariah said...

Sim, uma das coisas boas do ser humano é poder romper com esses padrões. Mas que não é fácil, não é.

Eu sou intempestiva, fervo em pouca água e paciência não é o meu forte. Tenho lutas comigo para, em determinadas alturas, tentar manter a calma, lutar contra aquilo que naturalmente sei que sou. E nao gosto de ser. Ás vezes condigo, respiro fundo, conta até 10 (mil :)... ) e sorrio. Outras vezes é mais forte do que é, é a minha natureza como dizia o escorpião.

Pedro Branco said...

Acordar todos os dias é mais um pedaço do nosso mergulho para a morte...? Inquietante demais este sabor escorpião. Aumenta o meu silêncio entre mim e mim. Cada vez mais adormecido.

Su said...

nem todos escorpiões...nem todos...


jocas maradas...sempre

Mateso said...

Nem todos somos escorpiões. Há alguns que o são ,e no entanto vestem a pele de cordeiros ,e por cordeiros são tomados, outros há ,que sendo cordeiros naturalmente, e porque balem mais, são tratados como escorpiões. Santa confusão anda pelo reino Animal de todos nós! Daí os que mordem morrendo, e os que morrendo sem morder,
são metidos na mesma jaula. É assim a nossa selva.
Bj.

amazing said...

o escorpião é lindo!!! :D

A Sia também canta lindamente, experimenta ouvir a "LENTIL" e a "I GO TO SLEEP" do maravilhoso álbum "Lady Croissant"

fatima pb said...

fizeste-me pensar e fiquei, mesmo assim, sem conseguir te responder

so sei falar de mim, e eu nao consigo mudar, mesmo tentando tentando muito

:(

Miudaaa said...

Podemos sempre lutar. Sempre Sempre... mas somos muitooo preguiçosos.

Um Beijo da miudaaa que sonha por um mundo melhor!!!

João o Protestante said...

eu sou escorpião, porque nasci assim :) ....mas não sou "padrão"

A natureza das pessoas não é atenuante para as más acções...se alguns conseguem por a consciencia a dominar os maus impulsos é porque todos temos o dever e a capacidade de o fazer e transformar isso num novo "padrão" de comportamento.
tudo evolui...para onde nós quisermos