Tuesday, January 29, 2008

sentir outras cores

Desço as escadas ao ritmo frenético do costume, porém dali em diante não serei mais a mesma.
O meu olhar passa por tantos azuis, a procurar, não só os erros, mas sim o sorriso que se vai perdendo aos poucos,durante tanto tempo,nas manhãs frias ou quentes.Um dia após o outro, e eu não vejo nada para além dos azuis que vestem um emaranhado de pessoas.É tempo de ver as outras cores, porque elas existem ...Olho, não, melhor vejo o branco, a cal, a alma! Tenho que despertar!Mais um vez...Disperso o sentimento de indiferença,que se me tem colado ao corpo por entre tantos outros sentimentos e revivo sensações, como um despertar, recriando os melodias perdidas...
As escadas, e aquele passo rápido, displicente , é agora, deliberado de forma a traçar o meu caminho,propositadamente para ouvir, sentir e perceber.Inebriar sensações e emoções até então, contidas , e ir sentindo lentamente o êxtase de aprender a despir somente com o olhar.
para ti meu Amigo Dourado.

30 comments:

Tchivinguiro: onde nasci. said...

Uma veste que pode ser colorida com os tons do arco-íris.

Crystal said...

Gostei do texto, a forma como descreves o branco...Um dia também o escrevi quase assim...

Mas fascinei-me mesmo com a imagem.Espectáculo!!!

Beijinhos para ti

mariazinha said...

bonito.
bonita.

*

A estranha said...

Ver a cores sentimentais... Uma bela metáfora rematada pelas palavras de uma poetisa que tenho que ler urgentemente... Quanto mais leio pedaços mais me apetece o bolinho todo!

Muitos beijos

Frankie said...

Já há uns tempinhos que não passava por cá...

O tempo não me tem permitido visitas "regulares" aos meus cantinhos favoritos da blogsfera. Mas, hoje, a preguiça e um certo vazio (mais do que a falta do que fazer)trouxe-me até cá novamente.

E, novamente, gostei do que vi.

Beijinho*

Ant said...

Bonito e verdadeiro ou vice-versa.
:)

Dois anos pode parecer pouco mas é o teu tempo e é uma aposta.

Sombras de Fim do Dia said...

Engasguei-me, nó na garganta, despir com olhos é um acto de intimidade extrma. o texto está fantástico! Prometo que volto.

Lu.a said...

:)
lindo, como sempre!

Hannanur said...

"Disperso o sentimento de indiferença,que se me tem colado ao corpo por entre tantos outros sentimentos e revivo sensações, como um despertar, recriando os melodias perdidas..."

Bateu cá dentro com força...

Kiss

Miudaaa said...

Linda!!!
"... e ir sentindo lentamento o êxtase de aprender a despir somente com o olhar"

Muito Bom. Gosto sempre de aqui estar. Hoje senti as tuas palavras a correrem-te nas veias e arrepiei-me.

Muito Bonito. Diria FANTÁSTICO.

Um Beijo da miudaaa

poetaeusou . . . said...

*
soberbo,
,
xi
*

Eric Blair said...

prefiro o facto e o acto

Belzebu said...

Gostei deste arco-ìris de sensações, sempre de uma extrema profundidade!

Aquele abraço infernal!

Su said...

jocas maradas de sentires...sempre

Sic Infit said...

De facto a vida é um arco-íris e não um filme a preto e branco, mas a imagem... Quando temos o sentir e o pensar, aí, não há como dar-lhe a volta... é o preto e o branco! Bela imagem!

sonia r. said...

Azuis chega,
Bjinhos.

brisa de palavras said...

Ãs cores da vida, que nem sempre se vestem de acordo com os sentimentos.

um abraço

brisa de palavavras

Vício said...

só comento quando a imagem tives cs!

nuvem said...

Muito bonito :)

Mil beijos, querida.

veritas said...

Sentir é tudo e é ter a capacidade de estar em todo o lado...!!

Bjs. Boa semana.

Dark-me said...

Sentir outras cores
Sentir outros sentimentos

Bjos coloridos

isabel mendes ferreira said...

prazer.

prazer.


re.prazer de ler e de ver.



beijo.

Dawa said...

Tão lindo!
A imagem está demais...

Tenho andado muito cansada e sem capacidade para escrever, mas estou sempre por cá...

Beijinhos!

pn said...

que o caminho se abra em verde ao azul de olhar

Pearl said...

e contra factos, não há argumentos...
:o)))***

Mateso said...

As cores do sentir espatuladas na tlea do coração.
Beijinho.

Hannanur said...

Mais uma vez Obrigada pelo apoio.

Kiss

Rain said...

As cores misturam-se nas palavras até as dissolverem em imaginação... ADOREI TUDO. Imagem fantástica.

pin gente said...

e despir?

rouxinol de Bernardim said...

Sentir é fixe!