Friday, February 29, 2008

O mar, o cacto, o sol, os pombos

"...De algumas oiço-lhes a voz. Olá a todos, deixem-se estar aí. Embora finja que não, necessito tanto de companhia. Um estar aí que é já muito. E daqui a nada noite e eu dissolvido nela. Dissolvido nela. Até não me ficar nem uma ideia de quem sou. Cavalheiro sem carta de ligeiros e pesados procura senhora nas mesmas condições, quer dizer sem uma ideia de quem é. Se abrir a torneira ouvirei o ruído do mar? Em pequeno, na cama, as ondas chegavam até mim, uma após outra, misturadas com o vento nos pinheiros e o imenso mistério da vida. Escutava-as na certeza de ser feliz e eterno. Amanhecia e o mar calava-se. Via-o da janela no mesmo sítio, em silêncio, ele que no escuro encostava a cabeça aos caixilhos para me ver dormir e me seguia com aqueles olhos que o mar tem, ao mesmo tempo zangados e cheios de lágrimas e, no corredor da casa, os passos da insónia, tac, tac, tac. .."

"...Agarra-te ao teu fiozinho de esperança, experimenta. Começa a preparar a mão, coisa que contigo leva tempo. Tenta que aquilo que existe em qualquer parte tua caminhe na direcção certa onde as palavras te esperam, adormecidas. Acorda-as devagarinho, não escutes os passos da insónia, tac, tac, tac, no corredor. Tens 10 anos, 20 anos, tens todas as idades ao mesmo tempo, estás cheio de medo mas começa. O mar, o cacto, o sol, os pombos."

[António Lobo Antunes -Agora que já pouco te falta]
BFS

13 comments:

Su said...

E daqui a nada noite e eu dissolvido nela. Dissolvido nela. Até não me ficar nem uma ideia de quem sou



amei
jocas maradas de dias

little_blue_sheep said...

:)

***********************

nothing said...

***
Um Bom fim de semana para ti...
Sem insónias... Com a companhia do mar... dissolvendo-te na noite, sem nunca esqueceres quem és...
***
Beijinho

Rain Sister said...

Olá
Venho só aqui deixar um beijinho que estou sem computador já há algum tempo.
Espero que esteja tudo bem :-)

Lídia said...

... aproveita o Sol... descansa e bons sonhos :)

Rain said...

Por motivos pessoais não tenho podido vir cá visitar-vos ou mesmo actualizar o meu blog, falta de tempo e vontade. Um dia destes escrevo novamente. Who knows... Obrigada pelos comentários. Beijinho grande.

brisa de palavras said...

Obrigada pela força.
Um abraço
Brisa de palavras

pn said...

só,
só,
só mesmo...
1 bom sun day para Ti!

Maria Laura said...

"Agarra-te ao teu fiozinho de esperança, experimenta". É isso. Como se tudo recomeçasse, constantemente.

As Sombras de Fim do Dia said...

Este pedacinho de texto está fantástico!! "Acorda-as devagarinho...." este parágrafo é de uma doçura extrema.

Espero que tenhas tido um bom fim de semana, pois está quase a acabar......

beijinhos

fatima pb said...

gosto tanto tanto tanto de António Lobo Antunes!
Obrigada, por estas linhas dele, soube-me bem, agora que está a ficar noite e eu a dissolver nela...

Um beijo mt grande e um xi.coraçao apertado, para ti!

Mateso said...

A solidão também se veste de palavras. São casacos-palavras que aquecem a alma despida de roupa.
Beijo.

D'age said...

Se apareceres não vais ficar melhor, garanto :))

Dia 8 de março é um bom dia para tocar.
E até é sábado.
Podem aparecer.